PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

CoWorking em Floripa: Onde trabalhar como freelancer na Ilha

coworking

Foto: Google Imagens.

A palavra pode ser nova para alguns, mas o conceito já é uma tendência em muitas cidades do Brasil. O desafio de permanecer no mercado competitivo tem criado maneiras criativas para os trabalhadores conquistarem seu “lugar ao sol”.

As belas praias, os recantos naturais e o pôr do sol que toca o mar de forma única em Florianópolis até podem ser uma distração, especialmente para aqueles que estão à procura de lazer. Porém, a cidade também conta com movimentadas avenidas que todos os dias levam e trazem dezenas de trabalhadores. É também na Capital Catarinense que muitas pessoas apostam no crescimento profissional. Com um mercado de inúmeras oportunidades, também os espaços de CoWorkings deram um salto e conquistaram a capital catarinense.

Pesquisa da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC) mostra que as micro e pequenas indústrias (MPEs) já representavam a maior parcela de estabelecimentos industriais catarinense em 2016, chegando a atingir o índice de 98%. Para se juntar a esse dado, ainda há os incontáveis trabalhadores que optaram por realizar suas atividades Home Office, ou seja, por trabalhar de casa, evitando gastos com infraestrutura.

Como uma forma de cooperativismo os espaços de CoWorking surgem com o propósito de integrar empresas e profissionais em um mesmo local, a fim de compartilharem uma mesma estrutura de um escritório tradicional, para desenvolverem seus negócios. Há estimativas que apontam mais de 10 mil CoWorkings ao redor do mundo.

Para utilizar o espaço pode-se contratar um plano baseado em horas de utilização ou um valor fixo mensal. De acordo com o portal GUIA55, que conta com 100% dos profissionais de sua equipe trabalhando como freelancers, os valores costumam ser menores do que uma estrutura própria de escritório e você poderá contar com um ambiente de trabalho para realizar reuniões ou receber clientes. Além disso, alguns lugares são sem fins lucrativos.

Se você está fazendo as contas e considerando a ideia de fazer parte da cultura CoWorking, separamos uma lista com cinco espaços em Florianópolis para você conhecer.

1. Impact Hub Floripa

A proposta é ser um ponto de encontro para empreendedores que desejam transformar ideias em ações concretas. O interessante é que com qualquer um dos planos o indivíduo tem acesso aos espaços compartilhados da plataforma ao redor do Brasil.

impact-hub-floripa

2. Vilaj

O Vilaj foi o primeiro CoWorking de Santa Catarina. O espaço aposta na sustentabilidade e disponibiliza vagas cobertas para bicicletas. Lá o empreendedor recebe uma chave do local e utiliza a estrutura para desenvolver seus projetos, fazer reuniões ou cursos.

vilaj

3. O sítio

Diferente não acha? Pois bem, esse CoWorking está localizado em uma casa portuguesa do século 19. O espaço organiza exposições, palestras, oficinas e cursos para diversas áreas.

o-sitio-floripa

4. HAB WorkClub

Um espaço versátil e dinâmico, que conta com uma vista para a Lagoa da Conceição, estacionamento, bicicletário, chuveiro, dentre outros benefícios.

work-club

5. Cool2Work

Uma estrutura moderna e irreverente são as características desse CoWorking. O local disponibiliza mesas compartilhadas, salas privativas, auditório, sala de reunião e copa.

cool-2-work

Crédito fotos: Vida de CoWorking.


PUBLICIDADE

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE