O que fazer em Florianópolis de graça | Guia Floripa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O que fazer em Florianópolis de graça

Saber que fazer em Florianópolis de graça é uma excelente opção para aproveitar uma das capitais mais belas do Brasil sem gastar muito com a viagem.

Terra de lindas praias, Floripa conta com muitos atrativos gratuitos para aproveitar dias agradáveis de sol; mas não é só no verão, pois não faltam opções sobre o que fazer em Florianópolis com chuva ou no inverno.

A Ilha da Magia conta com museus, marcos arquitetônicos, lugares ao ar livre e belezas naturais impressionantes.

Para te ajudar a planejar sua viagem, neste artigo confira passeios em Florianópolis para fazer com pouco dinheiro, sozinho ou com amigos, em um dia ou para um roteiro mais longo, com dicas incríveis para aproveitar a capital catarinense.

O que fazer de graça em Florianópolis

  1. Ponte Hercílio Luz
  2. Lagoa da Conceição
  3. Mercado Público de Florianópolis
  4. Morro da Cruz
  5. Santo Antônio de Lisboa
  6. Praça XV de Novembro
  7. Catedral Metropolitana
  8. Museu de Arte Moderna de Florianópolis
  9. Museu da Imagem e Som
  10. Casa da Alfândega
  11. Parque Ecológico do Córrego Grande
  12. Praias de Florianópolis

1. Ponte Hercílio Luz

Principal cartão-postal de Florianópolis, a Ponte Hercílio Luz é um verdadeiro símbolo da cidade, semelhante ao que acontece com muitas cidades pelo mundo.

Tanto que nos Estados Unidos existiam a Silver e a Fort Steuben Bridge, que eram exatamente iguais à ponte catarinense.

Inaugurada em 1926 pelo prefeito André Wendhausen Júnior, ela é o elo histórico entre a ilha e o continente.

A Ponte voltou a ter a circulação normal de veículos em 2020, após ficar quase 40 anos inativa por motivos de segurança.

Reformada e segura, ela também recebe turistas e moradores locais a pé, que praticam corridas, caminhadas e passeios de bicicleta.

Uma dica interessante é observar e tirar fotos da ponte a partir da Avenida Beira-Mar Norte; é uma ótima ideia sobre o que fazer em Florianópolis a noite ou até mesmo durante uma caminhada pelo calçadão da Avenida durante o pôr do sol.

2. Lagoa da Conceição

Um bom roteiro turístico em Florianópolis deve incluir a bela Lagoa da Conceição, um dos cenários mais bonitos de Santa Catarina.

Localizada no Centro, ela é a maior lagoa da cidade com 15 km²; ela é perfeita para banhistas e também para prática de stand-up paddle e outros esportes de águas calmas.

Trata-se de um lugar onde os florianopolitanos adoram passar o dia, seja fazendo piqueniques, caminhando ou correndo pelo local, que também conta com bons restaurantes em volta.

Seguindo seu roteiro barato em Florianópolis, aproveite que está na Lagoa e conheça o Santuário de Nossa Senhora da Conceição, que é um dos primeiros do Brasil, e conta com itens originais doados pelo Imperador D. Pedro II.

3. Mercado Público de Florianópolis

Pontos turístico presente na maioria das grandes capitais brasileiras, o Mercado Público de Floripa é muito popular na cidade e uma ótima dica sobre o que fazer em Florianópolis de graça.

Conhecido também como Mercado Central, trata-se de um complexo de barracas comerciais e restaurantes, que refletem principalmente a gastronomia local.

Ao adentrar no mercado, você vai se impressionar com a quantidade de boxes com peixes e frutos do mar; afinal, a pesca é um dos pilares da economia na cidade.

Apesar de poder visitar o local sem pagar nada, vale a pena fazer uma refeição nos vários restaurantes, bares, cafeteria e fast-food que ele possuí.

Você ainda encontra lojas de artesanato, roupas e serviços gerais, como uma casa lotérica.

  • Endereço: R. Jerônimo Coelho, 60 – Centro.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta das 7 às 22 horas; sábado das 7 às 14 horas (bares até às 17 horas).

4. Morro da Cruz

Quando estiver em Floripa, visite também o principal mirante da cidade, que proporciona um visual panorâmico espetacular.

O Morro da Cruz fica no centro de Florianópolis e tem 285 metros de altitude; nele você pode avistar a Ponte Hercílio Luz, uma enormidade de prédios e boa parte das praias do oeste da ilha.

Como atualmente o local é considerado perigoso, a dica aqui é visitá-lo em grupo, preferencialmente durante o dia, pois a iluminação noturna não é muito boa.

Como ele fica perto do Shopping Iguatemi, é uma boa sugestão de roteiro antes de fazer uma refeição ou compras em Florianópolis.

5. Santo Antônio de Lisboa

Se você procura o que fazer em Florianópolis de graça e deseja conhecer um lugar charmoso e romântico, recomendo que visite o bairro de Santo Antônio de Lisboa.

Localizado a 12 km ao norte do Centro de Floripa, esse é um lugar que preserva a colonização Açoriana, com arquitetura que remete ao período colonial.

Essa referência se vê também nas ruas, nas pinturas, nos vasos que enfeitam o bairro e, claro, na arquitetura da igreja. É praticamente uma volta no tempo!

Possuindo diversos restaurantes à beira-mar com comidas típicas de Portugal e outras variedades, em Santo Antônio de Lisboa você encontrará também uma praia muito romântica e ótima para curtir o pôr do sol.

Com vários barcos aportando constantemente, ela conta com águas calmas e uma curta faixa de areia branca e bem fofa. É realmente uma atmosfera deslumbrante.

6. Praça XV de Novembro

Localizada no Centro e próxima ao Mercado Público de Florianópolis, a Praça XV de Novembro é um ponto de encontro comum e um programa interessante para uma tarde de clima agradável.

Como se trata de uma praça bonita e muito bem localizada, muitos turistas (brasileiros e estrangeiros) a escolhem para tirar as fotos que vão postar na cidade; especialmente os que estão fazendo um tour guiado em Florianópolis.

O principal destaque da Praça XV de Novembro é a enorme Figueira, árvore centenária e impressionante, que você pode sentar nos bancos embaixo dos galhos dela.

É muito comum ver famílias na praça, especialmente as que viajam ou passeiam com crianças.

7. Catedral metropolitana

A Catedral Metropolitana Matriz Catedral de Nossa Senhora do Desterro) é outro lugar que se enquadra nesta lista de o que fazer em Florianópolis de Graça; afinal, trata-se da igreja mais importante da cidade.

Ela fica local onde o fundador da cidade, Francisco Dias Velho, ergueu uma capela em 1678 e atualmente é edifício é patrimônio tombado pelo Estado e pelo Município.

A Catedral também fica localizada no centro, bem em frente à praça XV de Novembro, e é um atrativo muito interessante para quem deseja fazer turismo religioso em Santa Catarina.

Esta igreja guarda um grande acervo de arte sacra. Destaque para a escultura “Fuga para o Egito”, talhada na Áustria e um órgão de tubos alemão.

Todos os finais de ano, na Catedral é montado um presépio que homenageia o nascimento de Jesus Cristo.

Se você for visitar esta igreja em uma sexta-feira durante o dia, não deixe de dar uma olhada na Feirarte, uma feira ao ar livre que vende artesanatos locais e alimentos típicos.

  • Endereço: R. Padre Miguelinho, 55 – Centro.
  • Horário de funcionamento: todos os dias das 6 às 12 horas.

8. Museu de Arte Moderna de Florianópolis

Os museus em Florianópolis são bastante interessantes para quem gosta de fazer roteiros culturais. E o melhor de tudo: alguns deles são gratuitos!

Localizado no Centro Integrado de Cultura, o Museu de Arte Moderna de Florianópolis (Masc) conta com cerca de 2.000 itens artísticos feitos por artistas brasileiros e do exterior também.

A idéia do museu é representar diferentes vertentes de artes visuais e também recebe exposições sazonais.

  • Endereço: Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica.
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo das 10 às 22 horas.

9. Museu da Imagem e Som

No mesmo local está localizado o Museu da Imagem e Som de Florianópolis, que busca retratar a história do audiovisual no Brasil.

Seu acervo é composto por mais de 10.000 discos de vinil e muitos outros equipamentos de som e de captação de imagem, como diversos tipos de câmeras fotográficas.

Com estacionamento próprio, o museu também realiza exposições de Fotografia e outras áreas que abrangem o audiovisual.

  • Endereço:  Av. Gov. Irineu Bornhausen, 5600 – Agronômica
  • Horário de funcionamento: de terça a domingo das 10 às 22 horas.

10. Casa da Alfândega

Outra dica sobre o que fazer em Florianópolis de Graça é a Casa da Alfândega, que fica na Praça XV de Novembro, ao lado do Mercado Público.

Trata-se de um espaço cultural que abriga várias peças de artesanato, que variam de lembrancinhas a obras de arte muito belas para comprar; porém você pode apenas admirá-las.

Dentre os itens, é possível adquirir colares de pinturas rupestres, bolsas e roupas de renda, artes feita em palha, bruxinhas em miniatura e muito mais!

  • Endereço: Praça XV de Novembro, 270 – Centro.
  • Horário de funcionamento: de segunda a sexta das 9 às 18h30; sábado das 9 às 13 horas.

11. Parque Ecológico do Córrego Grande

Visitar parques sempre é uma ótima idéia para dias de sol em grandes capitais e, em Floripa, o melhor lugar para essa atividade é no Parque Ecológico do Córrego Grande.

Trata-se de um lugar muito interessante para caminhar e admirar a natureza do local, que é muito bem preservada.

Muitos moradores de Floripa vão ao parque para correr e praticar exercícios; outros levam seus filhos para respirar um pouco de ar puro e se divertir.

  • Endereço: R. João Pio Duarte Silva, 535 – Córrego Grande.
  • Horário de funcionamento: todos os dias das 7 às 18 horas.

12. Praias de Florianópolis

Entre os principais pontos turísticos de Florianópolis, é claro que se destacam as praias da Ilha da Magia, que são as principais razões da capital catarinense atrair tantos turistas.

Obviamente, você não precisa pagar nada para visitá-las e aproveitar todas as suas belezas, por isso escolha a que mais te agrada e desfrute!

  • Praia da Joaquina: ficou famosa pela qualidade de suas ondas e já foi palco de campeonatos internacionais de surf; o mar é limpo, a faixa de areia é larga. E não é difícil encontrar restaurantes e opções de hotéis.
  • Campeche: localizada a 15 km do Centro, essa extensa praia é o local ideal para a prática do surf em Floripa; além de contar com belezas naturais e estrutura bastante completa para turistas.
  • Praia Mole: outra boa praia para surfar, até por isso recebe muitos jovens; especialmente o público LGBT. A infraestrutura de bares é muito boa.
  • Jurerê Internacional: situada no norte da ilha,  ela recebe muitos turistas no verão, por isso a quantidade de hotéis e lugares para comer é grande.
  • Ribeirão da Ilha: reduto de pescadores em Florianópolis, ela conta com pequenas praias e um clima tradicional de interior de Portugal. Os restaurantes locais são incríveis.
  • Canasvieiras: é nesta praia que estão os hotéis com melhor custo-benefício na ilha; a praia possui águas calmas e grande variedade de restaurantes.
  • Praia dos Ingleses: considerada a melhor e mais completa praia de Floripa para morar, ela conta com uma faixa bastante extensa de areia e as águas são boas para se banhar.

Conclusão – Como passear em Florianópolis?

Para quem procura o que fazer em Florianópolis em 4 ou 5 dias, por exemplo, esses passeios gratuitos ajudam muito a deixar sua viagem mais barata.

Economizando com pontos turísticos, você pode reservar uma quantia para comer bem nos restaurantes, frequentar baladas em Florianópolis e também visitar cidades fantásticas nos arredores, como Guarda do Embaú, Garopaba e Bombinhas.

Esperamos que essas dicas te ajudem a curtir Floripa. Bons passeios!


PUBLICIDADE

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE