Segunda e terça, 14/11 e 15/11 | Guia Floripa
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Segunda e terça, 14/11 e 15/11

Carin-Machado

Açorianidade - Agraciada com o troféu Ilha de São Jorge, Carin Machado recebeu a outorga na 23ª Açor ao lado de Roseli Pereira, de óculos, e de amigos da Casa dos Açores de Santa Catarina. (Divulgação)

 

Trofeu-Acor

Troféu Açor – A peça idealizada pelo escultor Dão, troféu da 23ª Edição da Festa Açoriana que aconteceu durante a Marejada de Itajaí. (Divulgação)

 

Cadê a cultura?

Repercutindo também a carta aberta do Conselho Estadual de Cultura para o governador Raimundo Colombo. Quer dizer: endereçada a ele, mas como o governo não deu a mínima, o documento foi tornado público pelo blog do CEC. Uma nítida desavença entre os membros do conselho para com a política cultural do governo Colombo.

 

A revolução americana

Em todas as conversas do feriadão o assunto é um só: Trump. Seja com piadas ou com previsões sérias e preocupantes sobre o futuro do planeta com o governo da maior potência do ocidente nas mãos de um homem que pode mesmo surpreender... para o bem ou para o mal. É questão de tempo. Mas um fator também chama a atenção do mundo: a volta dos americanos às ruas de suas cidades. É uma centelha, mas poderá avançar ao ponto de questionarem o sistema eleitoral onde o povo vota, mas não elege. É uma democracia ridícula! E pode ser o estopim para uma grande virada. E no bojo, o presidente eleito Donald Trump.

 

Circo é vida

O Congresso de Malabarismo e Circo que vem rolando no leste da Ilha, tendo como sede o camping do Rio Vermelho, agitou os turistas da Barra da Lagoa com um cortejo de artistas pela praia e uma apresentação na Cidade Nova. O evento, com apoio exclusivo do Sesc, tem artistas de vários países da América do Sul e até da França. Mas a prefeitura não mexeu uma palha para a realização do mesmo. É o abandono cultural do governo da Capital.

 

Aliás

O abandono também se vê nas ruas e avenidas da cidade... são buracos e mais buracos sem a presença da prefeitura da Capital, entregue às moscas depois do resultado das eleições. O que certamente não ocorreria caso a candidata do prefeito tivesse se elegido.

 

Presença

Suplente de vereadora da Capital, Roseli Pereira parece que continua em campanha. Não deixa de prestigiar eventos culturais da cidade e de seus cidadãos. Na sexta a noite compareceu na Marejada de Itajaí para a solenidade de entrega do troféu Açor, na 23ª edição da Festa Açoriana. No domingo já fotografava os grupos mambembes do Congresso de Malabares e Circo que rola na Ilha até este feriado.

 

Falando nisso

O troféu da 23ª edição do Açor foi produzido pelo artista plástico Dão, morador da Enseada de Brito. A peça mistura arte, cultura e atividade pesqueira dos municípios do litoral catarinense com evidente influência do Arquipélago dos Açores. Uma das agraciadas foi Carin Machado, diretora internacional da Casa dos Açores de Santa Catarina.

 

Bafafá

O estouro da boiada na prefeitura de Palmas, no Tocantins, meche com a administração do prefeito eleitor Carlos Damastha e de vários colaboradores do primeiro escalão nascidos e bem conhecidos aqui na Ilha. A participação de um membro da família Petrelli também tá sendo motivo de muitas conversas nos meios políticos e de comunicação. Que desagradável!

 

SOS Lagoa

Umas 150 pessoas participaram na manhã de sábado, na pracinha do restaurante Oliveira, de um manifesto pedindo mais segurança para a Lagoa da Conceição. Liderado pela Associação dos Moradores da Lagoa e do Conseg – Conselho de Segurança local, os cidadãos mostram-se preocupados com o descaso das autoridades para com um dos bairros que tem o cartão postal da cidade.

 

Voz

Como suplente de vereador o Renato Gesk pode fazer muita coisa pela Lagoa da Conceição. Mas gora como vereador eleito disse que poderá cobrar muito mais das autoridade esse descaso para com o nosso cartão postal, discursou presente no movimento que pedia mais segurança para  Lagoa.


PUBLICIDADE

Veja também

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE