PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Frios

A famosa tábua de frios é item garantido na maioria dos bares e restaurantes, principalmente aqueles que atendem nos happy hours. Os queijos e os presuntos são a base das tábuas, mas muitos restaurantes também incluem ovos de codorna, azeitonas, kani e pães. Com sabores para todos os gostos, as tábuas de frios são boas opções para curtir entre amigos. De norte a sul de Florianópolis é possível encontrar estabelecimentos que servem frios, mas é nos barzinhos e empórios que o petisco mais faz sucesso. Nestes locais, os frios são servidos no fim da tarde e geralmente acompanham cerveja e uma partida de futebol, exibida em TVs ou telões nos bares. Curiosidade: Os alimentos embutidos foram criados em um tempo em que não havia geladeiras, fazendo-se necessário conservar as carnes por mais tempo. O segredo é tirar todo o líquido da carne. Presunto vem do latim Perexuto, que significa “privado de todo líquido”. Este processo também inibe o crescimento de bactérias e, por isso, as carnes podem ser consumidas cruas. O processo consiste em encher tripas de animais com gordura e carne e submeter às etapas de salga, defumação, secagem, condimentação e maturação. Harmonização: Queijos e vinhos já são estabelecidos como uma dupla perfeita. Então é só prestar atenção para algumas dicas: Queijos de massa mole, como a ricota e o de cabra, combinam com vinhos brancos leves e aromáticos, como um Chardonnay. Queijos frescos e sem casca, como o mascarpone e a mussarela, também vão bem com os vinhos brancos, roses e até os tintos mais jovens e frescos. Quanto mais duro for o queijo, como é o parmesão, mais robusta deve ser a uva, e aí entram os tintos.

Saiba mais

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE