PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Trilha Praia do Saquinho

"Queremos Continuar Isolados" Entre as praias da Solidão e Naufragados, o Saquinho tem cerca de cinco quilômetros de extensão com os costões mais entrecortados e interessantes da Ilha. Sem estradas e sem energia elétrica, a comunidade do Saquinho, algo em torno de 20 famílias, faz questão de manter-se isolada do resto da Ilha, ocupando o vale e a praia de areias brancas. Sobre a instalação de energia elétrica, os moradores costumam dizer: "Nunca se sabe o que vem atrás dos postes". Ao longo da trilha ficam as casas de madeira onde vivem as famílias, na maioria descendentes de açorianos que vivem basicamente da pequena agricultura e da pesca. Os Costões Mais Interessantes Saindo do costão direito da Praia da Solidão, logo se encontra uma trilha bem marcada, que se estende por penhascos, desfiladeiros, fontes e córregos. A Praia do Saquinho é só o começo da caminhada até a Ponta do Pasto. Até lá, a trilha vai passado por ótimos lugares para mergulho. O Pastinho, como é conhecida a Ponta do Pasto, é uma península coberta por grama. Dali se avista o conjunto de ilhas conhecidas como Três Irmãs ou Três Irmãos.

À direita do Pastinho, uma espécie de praia de pedras arredondadas convida o trilheiro a continuar a caminhada até Naufragados, que fica logo à frente. Mas o caminho pelo costão, aparentemente fácil, é muito perigoso e não deve ser seguido. Pela mata também existe uma trilha até a Praia dos Naufragados, mas só pode ser percorrida com auxílio de guia ou conhecedor do caminho. Esta trilha está coberta pelo mato, o que aumenta muito a dificuldade. Informações Atenção: A trilha só pode ser feita com um guia. Nível de dificuldade: difícil. Atrativos: vista panorâmica, praia, Mata Atlântica. Tempo: 2h30min. Início: Costão direito da Praia da Solidão. Fim: Ponta do Pasto. Principal dificuldade: Extensa. Como chegar: Do costão direito da Praia da Solidão, seguir na direção da Praia do Saquinho.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE